Itapiranga/SC - Sábado, 28 de Novembro de 2020
www.oestemania.net
Próximos eventos e coberturas fotograficas
Itapiranga/SC
O tempo agora


4 de novembro de 2019

Itapiranga se torna referência mundial com o primeiro projeto de avicultura

O Brasil é um dos principais produtores de carne de frango do mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. Neste cenário, Santa Catarina está em destaque. O Estado é responsável por 33% do total da produção nacional, com 993,15 mil toneladas embarcadas de janeiro a setembro deste ano, segundo dados da Epagri/CEPA. As exportações do produto catarinense já geraram receitas que passam de US$ 1,73 bilhão ao Estado.

Além dos bons resultados no mercado externo, o país também percebe bons números em relação ao consumo doméstico. Recentemente, a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) divulgou um estudo onde o Brasil aparece em sétimo como maior consumidor per capita mundial de carne de frango.

Por isso produtores avícolas catarinenses têm investido cada vez em tecnologia para garantir produtividade e alinhamento a critérios de mercados exigentes. A genética é o principal ponto de atenção, considerando que estes investimentos refletem em desenvolvimento e produção da carne com maior qualidade, com redução da idade de abate e melhora na conversão alimentar, já que altera o rendimento da carcaça e cortes nobres.

Com o melhoramento genético, realizado por meio da seleção das melhores aves e a aplicação desse conhecimento na cadeia produtiva, os aviários têm retornado com ótimos resultados às granjas. Além disso, a nutrição das aves tem sido cuidadosamente estudada e adaptada.

Hoje, os animais recebem um complexo conjunto de macro e micronutrientes, com a combinação correta de proteínas e carboidratos. Entretanto, para aproveitar ao máximo o potencial genético das aves, não é necessário apenas a melhor ração. Critérios como ambiência e estrutura são fundamentais para o bom desenvolvimento das aves.

Bem-estar animal influencia no desenvolvimento na mesma proporção que a nutrição

O bem estar animal influencia muito no crescimento e também em resultados zootécnicos. Um animal menos estressado e com mais conforto durante a vida consegue chegar ao peso ideal em muito menos tempo, por exemplo.

Hoje, a média nas granjas catarinenses é de que, em 45 dias, uma ave já tenha o peso de 2,5 quilos. Antigamente eram necessários três meses para que atingisse esse peso. Levando em conta essa premissa, produtores rurais têm investido em conforto térmico e melhor iluminação em seus aviários. De acordo com especialistas, isso reduz o estresse dos animais e, inclusive, diminui o tempo de alojamento deles.

De olho na sanidade animal

Santa Catarina é referência mundial em sanidade animal. Por isso consegue entrar com seus produtos em mercados extremamente criteriosos, à exemplo da Arábia Saudita. E os esforços para garantir o status de excelência sanitária muitas vezes caminham ao lado das conquistas de bem-estar.

Exemplo disso, foi implantado na região oeste do Estado, em Itapiranga, o primeiro projeto de compartimentação da avicultura de corte do mundo. Foram 11 anos de estudos para a aplicação desse sistema, que envolveu o governo de Santa Catarina, Ministério da Agricultura e também a iniciativa privada.

A compartimentação funciona mapeando e isolando os aviários e frigoríficos, como um sistema fechado, onde as aves e os produtos circulam apenas por uma determinada área geográfica. Ali a ave nasce, se desenvolve e encerra a cadeia produtiva sem necessitar de transportes exaustivos e consideráveis mudanças climáticas. Tudo dentro de uma mesma área geográfica, que neste caso envolvem 28 cidades da região. A proposta desse sistema reduz risco de doenças e epidemias, e garante maior controle de qualidade.

Santa Catarina segue investindo em estudos para, cada vez mais, ser referência em produção animal. Esse trabalho recebe apoio, fiscalização e investimentos do Instituto Catarinense de Sanidade Animal, o Icasa.

Fonte(s): G1/SC – Icasa

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

voltar

Últimos vídeos

Watch this video on YouTube.

Watch this video on YouTube.

JACARÉS E SECA NO PANTANAL
Watch this video on YouTube.

Um ano de tragédia no Rio Urugua...
Watch this video on YouTube.

Nova rota para a travessia do Ri...
Watch this video on YouTube.

Chuva de granizo em Curitiba Par...
© Copyright 2019